Twitter Facebook Youtube
CEDEAO Envia Sessenta Observadores para a Eleição Presidencial no Togo
H.E. Ernest Bai Koroma, former President of the Republic of Sierra Leone and Head of ECOWAS EOM to the Togolese Presidential Election and Commissioner Behanzin

Lomé, 20 de fevereiro de 2020.

A Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) enviou 60 observadores para a Missão de Observação Eleitoral da CEDEAO (CEDEAO-MOE) para as  eleições presidenciais no Togo. Os observadores foram destacados hoje, 20 de fevereiro de 2020 em Lomé, Togo, antes da eleição presidencial de 22 de fevereiro de 2020.

Como parte do apoio eleitoral da CEDEAO, S. Ex.ª Jean-Claude Kassi Brou, Presidente da Comissão da CEDEAO, havia inicialmente aprovado o envio de observadores eleitorais de longo prazo para o Togo desde 8 de fevereiro de 2020, para apoiar e monitorizar todo o processo eleitoral.

Em uma mensagem de boa-vontade durante o destacamento, o Dr. Remi Ajibewa, Diretor de Assuntos Políticos da Comissão da CEDEAO, expressou a determinação da Comissão da CEDEAO em acompanhar a o governo e o povo do Togo durante as Eleições Presidenciais, em conformidade com o Protocolo Complementar relativo à Democracia e Boa Governação da CEDEAO de 2001.

H.E. Ernest Bai Koroma, former President of the Republic of Sierra Leone and Head of ECOWAS EOM to the Togolese Presidential Election and Commissioner Behanzin


Ao agradecer aos Observadores, o General Francis Awagbe Behanzin, Comissário para Assuntos Políticos, Paz e Segurança da Comissão da CEDEAO, destacou que o apoio eleitoral da CEDEAO a seus Estados-membros encontra sua justificativa na aplicação do disposto no Artigo 12 do Protocolo Adicional relativo à Democracia e Boa Governação, do Artigo 53 (c) do Quadro para a Prevenção de Conflitos da CEDEAO e a decisão da Conferência dos Chefes de Estado e de Governo sobre o envio atempado de missões e observações pré-eleitorais aos Estados-membros que estão a organizar eleições.

“Caros Peritos em Eleições, vocês mais uma vez concordaram em se colocar à disposição da Comunidade para contribuir à promoção e consolidação da democracia na África Ocidental. Agradeço-vos, de coração, por este gesto de fé e compromisso que tendes demonstrado continuamente para com a região da África Ocidental”, afirmou ele.

O Chefe da Missão de Observação Eleitoral da CEDEAO para a Eleição Presidencial Togolesa, S. Ex.ª Ernest Bai Koroma, ex-Presidente da República da Serra Leoa, em seu discurso de boas-vindas, enfatizou que a CEDEAO envia regularmente Missões de Observação Eleitoral aos Estados-membros a fim de garantir que as eleições, que constituem um componente significativo da governação democrática na Região, sejam conduzidas de maneira justa e credível, levando a resultados que refletem a verdadeira vontade dos cidadãos.

Após o briefing, o Presidente Koroma realizou várias reuniões com os candidatos de partidos políticos que disputam as eleições e seus representantes, para avaliar a situação política.

A CEDEAO demonstrou seu compromisso em apoiar o governo e o povo do Togo na realização bem-sucedida da eleição de 22 de fevereiro por meio de uma missão de investigação pré-eleitoral realizada em dezembro de 2019. Essa missão foi seguida de um Workshop conjunto de sensibilização da CEDEAO-ONU sobre Conduta Pacífica de Eleições e Assuntos Relacionados.

Além disso, um workshop de três dias sobre o uso de Diálogo e Mediação em Disputas Eleitorais foi organizado pela Direção de Assuntos Políticos da Comissão da CEDEAO, em colaboração com a Folke Bernadotte Academy (FBA), a Agência Sueca de Paz, Segurança e Desenvolvimento em Lomé.

Share on :

Twitter Facebook Google Plus Linkedin Youtube Instgram