Twitter Facebook Youtube
CEDEAO realiza reunião virtual para levantar as necessidades das redes de mulheres no desenvolvimento (wid) que implementam projetos de desenvolvimento da cooperação transfronteiriça na áfrica ocidental

Abuja, 9 de setembro de 2021 – a Comissão da CEDEAO, através da Direção de Livre Circulação do Departamento de Comércio, Alfândegas e Livre Circulação, organizou uma reunião virtual de um (1) dia sobre o Levantamento de Necessidades das Mulheres no Desenvolvimento.

Essa reunião foi convocada para identificar as áreas de intervenção, as Lacunas, os Desafios e as Necessidades das redes de mulheres no desenvolvimento (WID) a fim de lhes apoiar a nível regional no âmbito do Programa de Apoio Regional da CEDEAO à Cooperação Transfronteiriça (ECBCSP) no período de 2021 a 2025 e no âmbito do Fundo da CEDEAO para a Cooperação Transfronteiriça, Livre Circulação e Migração (CBC-FMM), recentemente adotados pelos Ministros da CEDEAO responsáveis pela Cooperação Transfronteiriça e ratificados pelo Conselho de Ministros da CEDEAO aquando da reunião desta em janeiro de 2021. O ECBCSP é um Programa de desenvolvimento multissetorial que visa reforçar a cooperação entre as Populações, os Estados e os Mercados de forma a acelerar e aprofundar a Integração Regional a partir da base.

Trabalha com as comunidades locais nas regiões fronteiriças em garantir a coesão social, a construção regional e o desenvolvimento sustentável. Apoia iniciativas conjuntas de desenvolvimento socioeconómico e integra a perspetiva do Género nas suas ações. A reunião regional contou com a presença de mais de 73 participantes oriundos de todos os Estados-membros da CEDEAO e de representantes da Comissão da CEDEAO.

No seu discurso de abertura, o Senhor Tei Konzi, Comissário da CEDEAO para Comércio, Alfândegas e Livre Circulação deu a todos os participantes as calorosas boas-vindas à tão importante reunião e louvou todos os Atores pelos esforços envidados no sentido de levar avante a Agenda de Integração Regional da CEDEAO. Relembrou a todos que, parte dos objetivos do Programa ECBCSP incluía o reforço da cooperação transfronteiriça, a consolidação da paz, da estabilidade e do desenvolvimento e o apoio à implementação de projetos comunitários locais dirigidos pela economia. Afirmou que essa reunião de levantamento foi organizada para identificar e documentar as necessidades das mulheres nas Regiões Transfronteiriças e informar e apoiar a implementação de projetos transfronteiriços de desenvolvimento do género.

A senhora Bolanle Adetoun, Diretora do Centro da CEDEAO para o Desenvolvimento do Género, disse, nas suas observações, estar satisfeita com a grande afluência de pessoas e a participação de Atores Nacionais e Locais na reunião virtual destinada a reforçar o apoio às Mulheres no Desenvolvimento. Disse não deixar de ser necessário assinalar que fosse preciso apoiar as ações das mulheres no desenvolvimento, sobretudo no domínio do Comercio e da Livre Circulação em prol do desenvolvimento sustentável e referiu que, no domínio do comércio transfronteiriço na região, cerca de 70% do volume de negócio era realizado pelas mulheres, o que as tornou num fator crítico no discurso e na ação para o desenvolvimento. Opinou que o comercio transfronteiriço realizado pelas mulheres assegurava a subsistência de muitas famílias nas comunidades fronteiriças e que se deveria redobrar os esforços no sentido de apoiar essas iniciativas de desenvolvimento da cooperação transfronteiriça com o fim de promover a integração regional, sobretudo, através da Iniciativa da Zona de Comércio Livre Continental Africana (ZCLCA). Observou que o ultrapassar dos desafios e dos constrangimentos com que as mulheres comerciantes vinham deparando nas comunidades fronteiriças contribuiria muito para a promoção da estabilidade e do desenvolvimento económico no espaço CEDEAO.

A reunião suscitou intercâmbios interessantes sobre intervenções a nível local e as necessidades das mulheres no desenvolvimento para além das fronteiras e terminou com decisões e recomendações conjuntas que serviriam de base para a identificação e concessão de apoio aos Projetos de Desenvolvimento das Mulheres nas Zonas transfronteiriças da CEDEAO.

Share on :

Twitter Facebook Google Plus Linkedin Youtube Instgram