Twitter Facebook Youtube
Comité Ministerial Ad-Hoc aprova Projeto de Plano Arquitetónico para nova sede das Instituições Comunitárias
A group picture participants

Abuja, 7 de maio de 2019. Representantes do Comité Ministerial ad-hoc sobre a construção da nova sede das instituições comunitárias da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) em 7 maio de 2019, em Abuja, Nigéria, aprovou a proposta do projeto do plano arquitetónico de sua sede, que será construída através de uma doação financeira de US $31,5 milhões e assistência técnica da República Popular da China.

O Comité que se reuniu para monitorizar o progresso e os planos para a construção da nova sede também recomendou a assinatura de um acordo de implementação entre a Comissão da CEDEAO e o governo chinês, que incluirá o recrutamento de consultores pela Comissão para monitorizar sua implementação e realizar um estudo do impacto ambiental do projeto.

Eles também pediram a finalização de todos os documentos administrativos relacionados ao local de construção. Isto incluirá a compensação dos proprietários das plantações que estão no local do projeto em conjunto com as Autoridades de Desenvolvimento do Capital Federal de Abuja.

Ao falar durante a reunião, o Comissário da Comissão da CEDEAO para as Infraestruturas, Pathe Gueye, declarou que a construção da nova sede se tornou imperativa, dado que a dispersão geográfica das instituições comunitárias na cidade de Abuja tem consequências negativas, como atrasos na implementação de projetos, programas e políticas que os Estados-Membros confiaram à Comissão. Acrescentou que “há dificuldades na coordenação entre departamentos que impedem a produtividade e a eficiência do pessoal da Comunidade”.

O projeto do plano arquitetónico para a nova sede das instituições da Comunidade realizado pelo consórcio chinês SIPPR Engineering group integrou elementos da cultura da África Ocidental, otimização do local, funcionalidade, segurança e proteção e teve em conta a expansão da Comissão no seu design.

Falando em nome do Ministro das Relações Exteriores da Nigéria, Musa Sani Nuhu afirmou que a construção da nova sede deve começar em janeiro de 2020 e deve ser concluída em 22 meses.

A terceira reunião do Comité Ministerial ad hoc sobre a construção das instituições comunitárias foi precedida de uma reunião de peritos de representantes dos Estados-Membros.

 

Share on :

Twitter Facebook Google Plus Linkedin Youtube Instgram