Economista (Orçamento)

PT__Economist – Budget

  • Departamento: FinanÇas

 

 

  • Direção: FinanÇas

 

 

  • Categoria: P3

 

 

  • Salário anual: USD 36,901 – USD 44,469

 

 

  • Supervisor: Chefe da Contabilidade

 

 

  • Referência: ECW-FIN-REC/P/005/2017
  • Duração: dois (2) anos (com recondução sujeita aos “Estatutos do Pessoal” da Comissão da CEDEAO, a um desempenho satisfatório e à disponibilidade de fundos)
  • Local de afetação: Comissão da CEDEAO, Abuja, Nigéria

 

 

Objetivo da função: ao prestar contas diretamente ao Contabilista Principal (Orçamento) cabe ao Economista o cumprimento das políticas e do Regulamento Financeiro e orçamental no domínio da formulação, preparação, execução e acompanhamento do orçamento para a Comissão da CEDEAO.

Principais deveres e responsabilidades:

  1. Ajuda na formulação, preparação, coordenação, execução e acompanhamento do orçamento;
  2. Implementação dos procedimentos de controlo orçamental e garantia de que as despesas aprovadas para pagamento sejam apresentadas adequadamente no orçamento;
  3. Garantia de que os compromissos sejam codificados e reconciliados de forma adequada com os códigos contabilísticos para identificar todos os compromissos pendentes visando o acompanhamento e a implementação subsequentes.
  4. Garantia de que as despesas em quaisquer rubricas orçamentais sejam verificadas e as transferências apropriadas sejam propostas dentro dos limites permitidos pelo Regulamento Financeiro, bem como pelas revisões orçamentais e das despesas;
  5. Preparação de relatórios de controlo orçamental trimestral, inclusivamente da análise de orçamento previsto e atual;
  6. Elo de ligação com os departamentos e direções na disponibilização de informações sobre o nível da implementação do orçamento;
  7. Preparação da análise comparativa de programas de operação pela análise de custos em relação aos serviços prestados durante o exercício anterior e formular recomendações para revisões orçamentais;
  8. Ajuda no desenvolvimento e na implementação da estratégia do departamento das finanças;
  9. Participação em reuniões em nome do departamento das finanças para prestar perícia substantiva sobre a problemática do orçamento;
  10. Participação nos esforços de mobilização de recursos;
  1. Desempenho de outras funções conforme requeridas.

.

Descrição geral: uma das principais responsabilidades ligadas a essa função é o desempenho ou a gestão diária, seminal e mensal das atividades orçamentais necessárias para a revisão, a aprovação e o pagamento adequado das despesas e de outros compromissos da Comissão da CEDEAO.

 

Cabe ao Economista gerar relatórios de informação orçamental corretos, atempados e completos mensal ou trimestralmente conforme estipula o Regulamento Financeiro fazendo ressaltar as varações, bem como dando esclarecimentos sobre essas variações.

Cabe-lhe desempenhar o seu papel de forma ativa tanto na mobilização como na utilização de reservas.

As previsões de rendimentos e despesas serão competências importantes nessa função.

Além do que precede, o Economista passará tempo na supervisão do trabalho dos seus subalternos, inclusivamente na procura de soluções para problemas de processamento de despesas a medida que vão surgindo. A orientação, a motivação e o acompanhamento do pessoal seriam importantes para o sucesso nesse cargo.

 

Conhecimentos, aptidões e competências requeridas:

  1. Pelo menos um grau de Licenciatura em Economia (ou habilitações literárias equivalentes) mais três (5) anos de experiência profissional comprovados por escrito. A experiência na mobilização de recursos, em particular nas operações aduaneiras constitui uma vantagem acrescida.
  2. O nível de mestrado reduz o teto dos anos de experiência para três (3).
  3. Familiaridade com as técnicas e ferramentas de previsão.
  4. Um excelente conhecimento dos princípios e conceitos de contabilidade financeira, inclusivamente das Normas Internacionais de Contabilidade do Setor Público (IPSAS).
  5. Um bom conhecimento dos aspetos gerais do suporte lógico de gestão financeira e pelo menos de um suporte lógico do Planeamento de Recursos Empresariais. Experiências específicas anteriores com Sistemas, Aplicações e Produtos (SAP) de tratamento de dados constituem um trunfo.
  6. Uma experiência previa ligada ao orçamento constitui um valor acrescido distintivo.
  7. Uma boa capacidade de relacionamento interpessoal e de trabalho em equipa é necessária para propiciar uma interação eficaz no desempenho de atividades financeiras essenciais dos demais membros da equipa e para supervisionar as suas tarefas, bem como dos pares.
  8. Capacidade de formular recomendações relativas às principais questões financeiras e de gestão-

 

Tal como consta da descrição de função (Principais deveres e responsabilidades), cada um desses profissionais terá tarefas bem definidas.

A contratação dos quatro (4) contabilistas mais dois (2) economistas permitiria o alcance dos seguintes resultados:

  1. Novo organigrama da Direção estará em coerência com os requisitos do SAP;
  2. Separação de responsabilidades que requerem competências contabilísticas no seguinte:
  1. Valores a receber;
  2. Contas a pagar e adiantamentos;
  3. Informação e reconciliação financeiras;
  4. Contas de tesouraria.
  1. Separação dos deveres que requeiram competências de análise e de apresentação de relatório:
  1. Acompanhamento de serviços financeiros e apresentação de relatórios sobre programas e projetos;
  2. A concetualização, a preparação, a execução e o acompanhamento do orçamento geral.

Línguas
Devem ser fluentes numa das línguas oficiais da Comissão: Inglês, Francês e Português. O domínio de uma segunda língua seria vantajoso.

E-mail correspondente ecorys@ecowas.int

Share on :

Twitter Facebook Google Plus Linkedin Youtube Instgram